#Resenha - A probabilidade Estatística do Amor à primeira Vista

18 novembro 2013

Título: A Probabilidade Estatística do Amor à Primeira Vista 
Autor: Jennifer E. Smith 
Editora: Galera Record 
Páginas: 224 
Ano: 2013
Saiba mais: Skoob 
Comprar: Ponto Frio // Submarino // Saraiva// Cultura


Sinopse: Com uma certa atmosfera de "Um dia", mas voltado para o público jovem adulto, A probabilidade estatística do amor à primeira vista é uma história romântica, capaz de conquistar fãs de todas as idades. Quem imaginaria que quatro minutos poderiam mudar a vida de alguém? Mas é exatamente o que acontece com Hadley. Presa no aeroporto em Nova York, esperando outro voo depois de perder o seu, ela conhece Oliver. Um britânico fofo, que se senta a seu lado na viagem para Londres. Enquanto conversam sobre tudo, eles provam que o tempo é, sim, muito, muito relativo. Passada em apenas 24 horas, a história de Oliver e Hadley mostra que o amor, diferentemente das bagagens, jamais se extravia.


O livro nos apresenta Hadley uma garota que vive com uma mãe em NY e o pai mora atualmente em Londres e está prestes a se casar com outra mulher. 
Mesmo sem um ânimo para ir para o casamento Hadley vai para o casamento onde será madrinha do casamento do próprio pai.

Mas acontece algo comum no nosso dia-a-dia de nos atrasarmos para compromissos importantes, e por causa de 4 minutos ela perde o voo para Nova York e o próximo só sairá em 3 horas, assim ela chegará com pouco tempo de antecedência ao casamento.

Ao estar aguardando o próximo voo, ela se esbarra com Oliver, um britânico que se oferece para cuidar de sua mala, assim descobrem que estão no mesmo voo para Londres. Eles começam a conversar como se fosse conhecidos há muito tempo. E ele ainda ajuda Hadley a se distrair já que tem claustrofobia.


O livro  mostra os fatos bem rapidamente já que apenas 224 páginas, mas apesar de mostrar um romance, não fica o tempo todo preso no mesmo assunto e mostra questões familiares. Como Hadley se sente com os pais separados e como se sente péssima em ir no casamento do pai. 


E ainda podemos usar algumas situações no nosso dia-a-dia, como o fato de que não sabemos o que acontecerá amanhã, por exemplo, o destino as vezes colocar pessoas no nosso caminho que mudarão o resto da nossa vida para sempre. 
Além de que devemos saber perdoar as pessoas, mesmo que o que a outra pessoa fez te feriu bastante.


Um ótimo livro para passar algumas horas com uma boa companhia, quem gostou do livro "Anna e o Beijos Francês" com certeza irá gostar de "A Probabilidade Estatística do Amor a Primeira Vista".




Beijos e até a próxima
Thaynara 


12 comentários:

  1. Ótima resenhas, fiquei com uma vontade imensa de lê-lo tbm *--*

    Meu Mundo, Meu Estilo

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Haha , é ótimo se tiver oportunidade leia *---*

      Excluir
  2. Não gosto muito de livros de romance ou chick-lit, mas esse parece ser bem interessante! Até por que é curtinho e parece ser bem descontraído.

    Mais que livros

    ResponderExcluir
  3. Esse livro é muito perfeito! Amei de coração quando li *--* Muito lindo!

    David Andrade
    http://olimpicoliterario.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  4. Oi flor!

    Eu adorei esse livro. Tão leve, tão fofo, tão romântico :D e me surpreendeu, porque eu não esperava que abordasse toda essa questão da família, fiquei encantada com o resultado final *--*

    Um beijo
    http://escolhasliterarias.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Verdade... quem imaginaria que esse livro tão "fofo" trouxesse lições para nosso dia a dia
      Beijos

      Excluir
  5. Que resenha legal, até me fez interessar pelo livro que passa longe da minha zona de conforto, AHAUHASUHA

    Até mais :D

    Otávio Braga || bookolicos.com

    ResponderExcluir
  6. Sempre tive vontade de ler este livro, só faltava dinheiro kkkkk.
    Acho muito legal essa temática, e se for igual a Anna e o beijo francês, já ganhou meu coração!!!
    Muito boa resenha e o blog também!!
    Parabéns.
    Beijos,
    Marcela.
    ocantinholiterario.blogspot.com

    ResponderExcluir
  7. É um estilo engraçado pelo título. Realmente fico pensando qual seria a probabilidade disto acontecer, né?
    Não li a Anna e o Beijo Francês, mas falam maravilhas dele!

    Beijão

    Greice Negrini

    www.amigasemulheres.com.br

    Ah, tem sorteio de Natal lá no blog se quiser participar:
    http://www.amigasemulheres.com/2013/11/sorteio-de-natal-muitos-premios-para.html

    ResponderExcluir
  8. Parece ser um romance bem legal, apesar de ser bem típico. Mas me senti tentada a ler.
    beijos!
    http://tears-inthedark.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir

Olá fico feliz por ter lido essa postagem, deixe sua opinião :D
Beijos

 
Livros com bolinhos - © 2014. Todos os direitos reservados | Tecnologia do Blogger. imagem-logo